Tags archives: Dicas

  • 14 passos para fazer de 2014 o melhor ano para sua música!

  • shutterstock_54708205-300x200[Este post foi escrito por Shaun Letang, do site Music Industry How To.]

    Como elever sua carreira a um novo patamar neste ano novo

    1. Estabeleça suas metas para 2014. Elas devem ser metas M.A.R.A.S.: Mensuráveis, Alcançáveis, Relevantes, Atreladas a uma data, e Sabendo o que quer. Isso vai ajudar você a manter em perspectiva o que precisa fazer.

    2. Prefira qualidade a quantidade. Não se mate para gravar 40 músicas no ano; faça de 12 a 16 que não farão feio perto das melhores do seu gênero musical. Gaste o resto do tempo fazendo marketing dessas canções.

    3. Tenha um site. Isso sera seu currículo online e também um lugar onde fãs podem descobrir o que querem saber de você. Um fã com conhecimento é um fã mais leal.

    4. Tenha um site atraente e muito fácil de usar. Não há motivo para ter um site se ele vai afugentar seus fãs em potencial, então faça dele uma coisa bonita e fácil de usar. O Hostbaby tem designs ótimos, então dê uma passada lá se você ainda não tem um site.

    5. Coloque em seu site logos dos lugares onde aparecer. Isso vai te dar credibilidade instantânea e fazer as pessoas se identificarem mais com você.

    6. Comece a colaborar com outras empresas ou profissionais. Enquanto fazer marketing de si mesmo para seus possíveis fãs pode ser útil, você deve fazer muito marketing da sua música para gente que nunca ouviu sua música. Isso pode ser em canais do YouTube que fazem sucesso no seu tipo de música, empresas cujo público-alvo é próximo a você, DJs de rádio que toquem seu tipo de música, e afins. Esse tipo de relacionamento pode ser mais difícil de começar, mas cada um deles vai valer muito mais, a longo prazo.

    7. Trabalhe com outros músicos. Se comprometam a divulgar um a música do outro para seus fãs, para que os dois ganhem mais fãs. Depois, exague e repita com outras parcerias.

    8. Aumente o número de produtos que oferece em seus shows. Ter CDs para vender nos lugares em que faz show é uma boa, mas se também conseguir vender camisetas e mais um ou dois produtos, você vai aumentar sua chance de lucro. Você não só vai encontrar fãs dispostos a comprar este ou aquele produto, mas de vez em quando encontratá uns dispostos a comprar tudo o que você fizer. Seus shows ficarão mais rentáveis com o tempo.

    9. Faça sua música ser fácil de comprar. Se você deixar suas músicas mais difíceis para os fãs encontrarem e comprarem online, vai vender menos. O CD Baby  coloca sua música em várias lojas virtuais (iTunes, Amazon MP3 etc), e te dá a tecnologia para vender do seu próprio site. Facilita para seus fãs.

    10. Contrate uma agência para administrar seus royalties. Isso te trará lucro a cada vez que sua música for tocada no rádio ou em local público. Se você assinar com o CD Baby Pro, esse serviço sera feito automaticamente para você.

    11. Foque em menos tipos de redes sociais.  Administrar mais de três redes sociais diferentes pode sugar seu tempo, o que significa que seu esforço não irá para onde deveria estar indo. Escolha três sites e os use o máximo o possível. Depois de você ter muitos seguidores em ao menos dois deles, você pode querer partir para uma outra rede social também. Mas, no começo, não abuse.

    12. Se você já tem ótimas músicas guardadas, priorize o marketing. O marketing é a diferença entre o músico talentoso que tem muitos fãs e interesse das gravadoras e o músico talentoso com poucos fãs.

    13. Construa uma “lista de compradores” A cada vez que alguém compra uma música ou um produto seu, pegue o endereço de e-mail. Ter uma lista com os contatos dos fãs que estão dispostos a gastar dinheiro com você pode ser muito útil.

    14. Divirta-se! Sim, você precisa tratar sua música como um negócio se você quer “chegar lá”, mas mas qual é o sentido de tudo se você não estiver se divertindo? Não perca a paixão pelo que você faz!

    Então aqui está — 14 passos para fazer de 2014 um ano muito melhor do que foi 2013. E você, tem dicas para compartilhar? Se sim, é só mandá-las na seção de comentários, aqui embaixo..

     

  • Porque YouTube é mais importante que qualquer outra ferramenta na sua carreira musical

  • por Chris Robley

    YouTube1
    YouTube: o novo rádio, a nova MTV, a nova loja de discos, a nova revista de música, o novo tudo.
    Vamos dizer o óbvio: o mundo mudou, especialmente para os músicos independentes.

    Os consumidores de música não estão se distanciando da ideia de “ter” música (uma grande parte dos consumidores de música ainda preferem comprar um CD afinal de contas), mas alternativas legais de domínio de música (tipo… streaming!) mudaram drasticamente o modo como ouvintes se engajam com a música em primeiro lugar.

    Conveniência e custo são uma grande parte desta mudança, claro; Spotify te dá acesso a um enorme catálogo de músicas, onde você for e pelo preço de duas xícaras de café por mês. Mas a facilidade de compartilhar é um grande fator na nossa mudança de hábitos. Quando você ouve música no rádio, numa estação de rádio de loja, ou mesmo em um CD — requeria um certo esforço para dividir essa experiência. (Bom, você precisaria, no mínimo, digitar um tweet e procurar um bom link para compartilhar a música com seus amigos).

    E é nesta parte que o YouTube realmente foi bem-sucedido. Não só ele é O serviço mais popular para descoberta de músicas online, mas também é O serviço mais popular em um setor demográfico mais jovem para ouvir música. Eu tenho de assumir que o aspecto amigável e sociável do YouTube (integração simples com Facebook, Twitter, blogs, etc.) é uma grande parte disto — somando-se com a conveniência (aplicativos de smartphone) e custo (gratuito). E claro, tem toda a questão do VÍDEO, também.

    Como artista, você absolutamente deve ter um site, escrever boas músicas, praticar, fazer shows, fazer entrevistas, ter boas campanhas de marketing, ter distribuição mundial de suas músicas (como o CD Baby, se eu puder opinar). Mas quando você combina ótimas músicas com um visual excelente, você está aumentando muito sua grandeza, o que é ótimo para sua carreira. E é por isso que o YouTube pode ser a ferramenta mais poderosa para promover sua carreira musical. Pense em artistas como Ok Go, Gotye, Walk Off the Earth, Justin Bieber, Karmin e Pamplemoose. Nenhum destes artistas teria ido tão longe se não fosse o YouTube.

    E os aspectos sociais da funcionalidade do YouTube (fácil compartilhamento e incorporação, contador de visualizações, seção de comentários, etc.) significa que fãs de música podem ser mais ativos e ter uma ação mais imediata na recomendação de músicas para outros ouvintes. Então o YouTube está assumindo algumas das responsabilidades que a mídia impressa já teve, um dia.
    Então, já convenci que você deveria estar gastando mais energia na criação de vídeos no YouTube que seus fãs vão adorar compartilhar? Aqui está uma recapitulação:

    5 razões pelas quais você deve impulsionar sua presença no YouTube

    1. YouTube é a ferramenta de busca nº1 para fãs de música
    2. YouTube se tornou a plataforma nº1 dos jovens fãs par ouvir música
    3. Muitos artistas construíram suas carreiras somente através do YouTube
    4. Não há maneira mais fácil de erguer sua música/marca/personalidade para dentro dos olhos/ouvidos/casa/imaginação de alguém do que através do engajamento de víedos de música
    5. Receita de propaganda está sendo gerada nos vídeos no YouTube e você pode ganhar sua parte monetizando suas músicas no YouTube.

    Uma vez que você usou o YouTube para ter seus vídeos de música vistos, ouvidos e compartilhads, ENTÃO você pode vender sua música para seus novos fãs, captar contatos de e-mail e contruir sua lista de newsletter, e conseguir que o pessoal vá ao seu show.

    YouTube Guide

  • 5 dicas para economizar na compra de instrumentos

  • Comprar um instrumento é sempre um momento delicado e que requer cuidado. Se você está começando a tocar ou até mesmo profissionalizandos-se na área, é sempre interessante economizar o máximo de dinheiro, sem sacrificar a qualidade.

    Aqui, estão cinco dicas simples que podem ajudar a fazer um excelente negócio na sua próxima aquisição.

    Compre instrumentos usados
    Uma das melhores formas de economizar com instrumentos musicais é comprando os usados. Para encontrar bons preços, olhe sites como o Mercado Livre, sempre ficando de olho na reputação dos vendedores. Também existem diversos grupos de músicos no Facebook, onde se concentram vendas de instrumentos. O interessante é sempre comprar de pessoas que estão próximas, para que você consiga testar o equipamento e que tenham boas reputações nas redes. Se for testar, não esqueça de levar algum amigo consigo e marca o encontro em um local seguro.

    Pesquise preços online
    Antes de finalizar e comprometer-se com qualquer compra, faça uma pesquisa de preços na internet sobre o equipamento em questão, comparando com os preços do equipamento novo, usado, de pessoas ou lojas. Desta forma, você terá uma ideia se o item desejado vale realmente o preço que estão oferecendo, mas lembre-se: os valores online são sempre um pouco mais em conta, mas você não terá a assistência presencial. Sinta-se livre para imprimir os resultados de sua pesquisa e levá-los até as lojas, pois isso pode ajudar na negociação.

    Verifique lojas concorrentes
    Amor à primeira vista não é a melhor coisa quando estamos falando de instrumentos. Você pode se apaixonar pelo instrumento que está buscando logo na primeira loja que entrar, mas esqueça. Normalmente, lojas de instrumentos ficam localizadas em áreas onde existem mais lojas do mesmo tipo por perto. Então, pesquise. Às vezes, você pode encontrar um tesouro oculto, com um preço impressionante.

    Use as mídias sociais
    Se você tem bastante amigos no Facebook ou um bom número de seguidores no Twitter, não custa nada perguntar nas redes sobre um modelo especifico de instrumento. Mesmo que ninguém na sua rede tenha o que você precisa, alguém pode conhecer uma outra pessoa que tenha, ou até mesmo compartilhar nas suas redes, e assim por diante.

    Pague mais por qualidade para poupar dinheiro no futuro
    Ao comprar um instrumento mais caro e de melhor qualidade, você evita voltar a gastar dinheiro tão cedo com novos equipamentos. Adquirindo, por exemplo, uma guitarra de baixo valor, você sentirá a necessidade, mais cedo ou mais tarde, de atualizar o instrumento para alcançar um som melhor ou por ela ter se deteriorado com mais facilidade.

    Que outras maneiras você utiliza para economizar comprando equipamentos musicas? Nos conte nos comentários.

    guitarras

    Foto: tupwanders

    Ganhe Dinheiro Guide

  • Seu site reflete onde você está na sua carreira?

  • É sempre importante lembrar: sua arte é a sua arte, e o seu website é o seu negócio. Por isso, é fundamental que ele reflita com precisão em que estado a sua carreira artística se encontra. Você quer parecer profissional, correto?

    Então, aí vão algumas dicas:

    Atualize o site
    Verifique se o seu site está atualizado com as informações mais importantes. Você não precisa fazer isso a cada semana, mas é geralmente uma boa ideia refrescar o seu site pelo menos a cada trimestre, com anúncios de notícias, datas de eventos etc.

    Busque ajuda
    Se a sua carreira está decolando e você está realmente ocupado, obtenha ajuda. Afinal, você precisa mostrar ao mundo como as coisas vão indo bem para você. Contrate alguém para trabalhar com você e mantenha esta pessoa atualizada com os acontecimentos: envie fotos, notícias e até posts de blog. Ela vai ficar encarregada de editar o material e publicar.

    Volte sempre
    As coisas têm andado devagar para você? Ok. Às vezes, uma banda pode dar um tempo, buscar novas ideias, trocar de integrantes ou até mesmo mudar os planos da carreira. Use o seu site para tornar este status de conhecimento geral. Caso contrário, os visitantes podem entrar lá, encontrar um monte de conteúdo desatualizado e começar a se preocupar. Afinal, como saber se você ainda está entre os vivos? Não deixe o seu site se tornar uma cidade fantasma. Coloque uma mensagem na página inicial para os fãs, deixando claro que você vai ficar um tempo longe. Se você tem um blog, deixe o último post avisando que em breve voltará com novidades.

    Vida longa
    Vamos dizer que você ou sua banda não voltarão do hiato. Independente dos caminhos escolhidos pelos integrantes, não esqueça que a sua arte vive para sempre na web. Portanto, não feche o seu website. Em vez disso, crie um local onde fique guardada a sua história e onde as pessoas ainda possam conhecer o seu trabalho. Caso algum dia a banda ou você volte a trabalhar com arte, você ainda terá um site ativo e não será necessário correr atrás do seu domínio perdido.